top of page

“Momento da Palavra” – Inovação de estreitamento entre as camadas representativas da sociedade, diz

Embora não se tratando de dispositivo regimental, a incidência do chamado “Momento da Palavra” na abertura das sessões legislativas, passa a partir de hoje a integrar a pauta das sessões ordinárias na Câmara Municipal de Araci.

Tendo ouvido e recebido apoio irrestrito do plenário, o presidente Valter Andrade de Oliveira comunicou: “A leitura de um trecho da Bíblia agora integra a abertura das sessões ordinárias desta Casa Legislativa” e de pronto convidou o professor jubilado da rede estadual de ensino, Jefthe Oliveira Pinheiro que inaugurou o momento em sua forma oficial, nesta sessão ordinária de terça-feira 18 de abril.

No tempo de três minutos, destinados ao momento, o conhecido professor Jefinho, que já fora presidente da Câmara, vereador de dois mandatos e também ex-prefeito na gestão do prefeito José Brígido (1973-1977), escolheu a leitura do Salmo nº 1, lendo:

Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Antes tem o seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite. Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará. Não são assim os ímpios; mas são como a moinha que o vento espalha. Por isso os ímpios não subsistirão no juízo, nem os pecadores na congregação dos justos. Porque o Senhor conhece o caminho dos justos; porém o caminho dos ímpios perecerá”.

Os vereadores que formaram o plenário da sessão desta terça feira e que apoiaram o presidente na implementação desse momento na pauta das sessões foram, além do presidente Valter: As vereadoras Jamile e Edneide, os vereadores Luizinho, Marinho, Francisquinho, Laerto, Léo de Eridan, Zelito da Ribeira, José Augusto, Gilvan e Jefinho Carneiro.

Os vereadores Marinho, Jefinho, Léo de Eridan e José Augusto, não só apoiaram a inovação do presidente como falaram comungando na mesma concepção: “Tudo que começa com a evocação da presença de Deus e com a observação de Sua Palavra, tem maiores possibilidades de dar certo e de produzir resultados que resultem no bem de todos” – Partilharam os quatro vereadores.

O convidado, explicou depois à reportagem do Portalfolha, que a iniciativa do presidente Guinha de Pascoal, de introduzir uma leitura bíblica na abertura das sessões, não fere os princípios de um estado laico (que não possui uma religião oficial e não permite a discriminação religiosa); mesmo porque, ainda que não sendo um dispositivo regimental, foi amparado pelo plenário. “Fui presidente desta Casa desde meu tempo, cada parlamentar sempre usufruiu da liberdade de evocar o nome de Deus ou trazer textos da Bíblia no uso de suas falas, na tribuna ou fora dela” – Disse o professor Jefinho.

A comunidade, terá informações neste portal, nos canais da rede social da Câmara e outros na internet, das celebridades que estarão participando e contribuindo com esse projeto de estreitamento da relação Casa da Cidadania & comunidade, instituído pelo presidente Guinha de Pascoal.

Convidados a seguir:

CAMARA DE VEREADORES – “Momento da Palavra”

Terças de Abril: Participante Convidado Camada Social

18 Jepthe Oliveira Pinheiro Professor, ex-presidente, ex-vereador

25 Dr. Ailton Pereira Profissional de Saúde-Odontólogo

Terças de Maio:

2 José Carlos Comerciante/Varejo

9 Edvan Hélio Empresário/Comércio

16 Aloísio Menezes Bancário/Aposentado-Ex-prefeito

23 Acilon Di Oliveira Radialista-Blogueiro/Cultura FM Araci

30 José da Silva Cordeiro Ex-vereador, 1º Secretário

Terças de Junho:

6 Profa. Ana Nery Jubilada, Diretoria do Centro Cultural

13

20

27


102 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page