Guinha de Pascoal na Tribuna hoje. “De quem é o mérito pela vitória de Jerônimo e Lula em Araci”

“Não vamos nos calar diante de discursos malandros, nem aceitar quem se escondeu com medo das pesquisas derrotistas e quando viu o crescimento do candidato Jerônimo, se achega e discursa como o pai da criança!”

Isso disse o vereador Guinha de Pascoal em um dos textos de seu discurso hoje na Tribuna da Câmara, na sessão desta terça feira (01.11).

Estando no comando da sessão ordinária de hoje, o presidente Guinha de Pascoal, como recomenda o Regimento da Casa, passou a presidência ao 1º Secretário vereador Léo de Marlúcia, e se postou como o último orador na Tribuna.

Nos seus 17 minutos na tribuna, o vereador Valter Andrade de Oliveira, tomou tempo para falar em todo o processo do segundo turno das eleições e enaltecer o trabalho dos militantes do partido dos trabalhadores PT e da participação significativa da prefeita Keinha do município de Araci, na condução desse processo e de sua forte determinação de colocar em primeiro lugar a votação do candidato Jerônimo ao governo da Bahia.

“Não poderia deixar de maneira nenhuma, senhores vereadores de registrar na Tribuna dessa Casa, a garra e a força de uma mulher nesses dois períodos da eleição. Uma prefeita que teve a coragem, mesmo com as pesquisas apontando que estava difícil para o candidato Jerônimo, apoiado pelo governador Rui Costa, ganhar a eleição, essa mulher teve a coragem de enfrentar e colocar sua cara tapa. A prefeita Keinha, sustentava que o seu candidato a governador era Jeronimo e a presidente era Lula, isso desde o primeiro turno das eleições. Sabemos que uma boa parte do seu grupo político, apelava para que ela recuasse. Mas ela mostrou firmeza e determinação. Testemunhei isso em várias cidades do Estado, ela em cima de palanques, com seu sorriso, dizendo que seus candidatos eram Jerônimo e Luiz Inácio Lula da Silva” – Dizia Guinha de Pascoal.

Ao tecer esses elogios à prefeita Maria Betivânia, o vereador disse que ficou indignado quando ouviu áudios de discursos de candidatos do grupo da prefeita, que ficaram escondidos e foram se afastando com os resultados de pesquisa mentirosa, não mostraram a cara nos grupos sociais e foram aparecer ao lado de outro candidato, apontado como bem nas pesquisas.

Nos últimos minutos de seu pronunciamento, Guinha disse na Tribuna: “Não vamos nos calar diante de discursos malandros, em aceitar quem se escondeu com medo das pesquisas derrotistas e quando vê o crescimento se achegam e saem por aí, em grandes encontros, tentando se promover e querendo convencer que foi importante para a vitória de Jeronimo e Lula em Araci”.

As últimas palavras de Guinha foram: "O que todos precisam saber, é que a prefeita Keinha foi quem não se escondeu. O vereador Guinha de Pascoal, não estava escondido. A vereadora Edneide e Rosival Leite, não se esconderam, como lideranças do PT nesse município. Estes sim, mostraram sua cara e acreditaram na eleição de um homem que saiu de uma pequena cidade do interior, entrou na vida pública, saiu com humildade pedindo voto em todo canto do interior e hoje é nosso Governador”. – Concluiu Valter.


180 visualizações0 comentário