top of page

Entidades, autoridades e celebridades, receberam Honrarias e Homenagens na Câmara Municipal de Araci


Na noite de ontem, (20), a Câmara de Vereadores de Araci, recebeu considerável representação da sociedade araciense, no Plenário Vereador José de Oliveira Lima, para participarem de uma Sessão Solene, realizada com finalidade única de entregar Certificados a 14 entidades que foram consideradas como de Utilidade Pública, através de Projetos de Lei apresentados por vereadores, que se transformaram em Leis Municipais. A rigor, as leis nesse caso, asseguram vantagens às organizações que prestam serviços relevantes, sem fins lucrativos, à sociedade, de serem incluídas no orçamento público para receberem doações, independentemente de aprovação de qualquer projeto, ou seja, só pela detenção do título. As entidades assim reconhecidas, poderão realizar sorteios mediante autorização da Receita Federal do Brasil; receber bens apreendidos pela Receita Federal para a realização de bazares e outras vantagens inseridas nas leis aprovadas no âmbito territorial de sua sede e atuação.

As associações que receberam seus Certificados na sessão da noite de ontem, também os homenageados com Moções e Títulos, ocuparam assentos destacados no ambiente do Plenário.

Associação de Mulheres da Barreira

Associação Comunitária dos Produtores Rurais de Cajazeira,

Associação Comunitária do Maracanã,

Associação dos Escoteiros Mirins de Araci

Associação Cultural dos Músicos

Associação Loja Maçônica Acácia Araciense

Associação Comunitária do Alto Grande e Salgado.

Associação dos Moradores de Várzea da Pedra

Associação dos Moradores de João Vieira

Associação Comunitária do Barreiro Preto

Associação do Povoado do Campo Grande,

Associação dos Vaqueiros de Araci

Associação Alice

Os Projetos de Lei datam desde o ano de 2013, como a Associação Comunitária do Maracanã, cujo Projeto de Lei foi da vereadora Gilmara, e outros projetos à frente nos anos 2015, 2016 e 2017 de autoria dos vereadores Rômulo, Léo de Eridan e os mais recentes dos vereadores, Jefinho Carneiro e José Augusto e do vereador Jera em favor da Associação do Povoado do Campo Grande, em 2019. Os PLs mais atuais, nos anos 2021 e 2023, foram de autoria dos vereadores, Léo de Marlúcia, da Associação dos Vaqueiros de Araci e da vereadora Edneide em favor da Associação Alice.

Chamados pelo cerimonial, os representantes de cada entidade, receberam seus Certificados, das mãos do presidente Guinha de Pascoal e da prefeita municipal, representada naquele ato pela vice Gilmara e pelo vereador autor do Projeto de Lei.

Associação de Mulheres da Barreira, foi representada por sua vice-presidente, Cleonice Pereira dos Santos

Associação Comunitária dos Produtores Rurais de Cajazeira teve seu certificado entregue ao presidente Admilson Santos de Andrade.

Associação Comunitária do Maracanã, por sua presidente, Astéria dos Santos Matos foi diplomada.

Associação Loja Maçônica Acácia Araciense, foi representada pelo seu presidente, Ven. Adilson da Silva Pinho, que em ato posterior representou o homenageado, Dr. Fernando Nóbrega, com uma Moção Elogiosa, proposta pelo vereador Laerto Januir.

Associação dos Moradores de Várzea da Pedra, foi representada pelo vereador autor do projeto, vereador Jefinho Carneiro e recebeu o Certificado do presidente Guinha de Pascoal.

Associação do Povoado do Campo Grande, recebeu por representação, seu Certificado, entregue pelo presidente da Câmara, ao Sr. Jerônimo Lima, ex-vereador Jera, autor do projeto de lei.

Associação Comunitária do Barreiro Preto, foi representada pelo Sr. Marcio, integrante da diretoria.

Associação dos Vaqueiros de Araci, foi diplomada na pessoa de seu presidente senhor Edilson.




Associação dos Moradores de João Vieira, foi diplomada na pessoa de sua presidente, Luciana Andrade.




As associações Escoteiros Mirins de Araci, Cultural dos Músicos e Comunitária do Alto Grande e Salgado, não teve representantes no ato e seus certificados ficaram na Casa Legislativa para busca dos presidentes.

Os homenageados foram convidados pelo Dr. Gidalti Moura, mestre do cerimonial, a ocuparem assentos em destaque no ambiente do plenário e a seu tempo, foram recebendo as honrarias e homenagens como as primeiras representadas pelos Certificados de Utilidade Pública. Após que, foram entregues as honrarias em forma de Placas metálicas, configurado as Moções Elogiosas propostas por Projetos de Lei de vereadores autores.

HOMENAGEM À POLÍCIA MILITAR:

As Moção de Reconhecimento do mérito da Polícia Militar, no âmbito do 16ª Batalhão da PM e da 3ª Cia da PM em Araci, propostas pelo vereador Jefson Miranda Cardoso Carneiro, foi entregue ao Capitão PM, Wendel Santos Campodônio, Comandante da 3ª Cia em Araci. A placa foi entregue pelo presidente Guinha de Pascoal, pelo vereador autor, em presença do Capitão Emanoel Carvalho Bispo, que no ato representava o Ten. Cel. PM Müller, comandante do 16º Batalhão de Polícia Militar da Bahia.

HOMENAGEM À POLICIA CIVIL:

A segunda Moção de Reconhecimento, proposta pelo mesmo vereador, homenageava a Delegacia da Polícia Civil em Araci na pessoa do Delegado, Bel. Hidelbrando Alves da Silva. A Homenagem abraçava os Investigadores, Agnaldo Correia de Oliveira, Raimundo Lopes dos Santos, Fábio de Azevedo Vidal e Jeferson Costa com a Escrivã, Nilzete Oliveira. A Placa foi entregue pelo presidente, o vereador autor.

MOÇÕES Elogiosas:

Três outras Moções foram entregues, homenageando o médico Dr. Fernando Martins da Nóbrega. Dr. Fernando dedicou muitos anos fazendo medicina em Araci, especialmente atendendo como médico da Saúde Municipal, contratado na gestão da então prefeita Nenca. O vereador Laerto, foi o autor da propositura e seu irmão Sr. Adilson, recebeu por representação do homenageado a placa das mãos do presidente Valter.

Também foram homenageados dois personagens no esporte, o mestre Zé Moringa, consagrado guru da capoeira e o atleta do caratê, Nilo Cauã Carvalho dos Santos.

Em último ato, o presidente Valter Andrade, acompanhado da Vice Gilmara e do vereador Léo de Eridan, autor da Projeto de Lei, procederam a outorga do Título de Cidadão araciense ao pastor da Assembleia de Deus, Luiz Leandro dos Santos Lima.

A sessão que se iniciou às 19:46 com um show do talento de Zé Pedreira, que com seu improviso rimado e expressão artística cantada, deleitou a plateia nos momentos anteriores aos trabalhos da sessão, teve também a participação da cantora Mainara da Hora, contando três músicas, preparando o espírito dos presentes a cada ato realizado, terminando às 21:50.

Foi disponibilizado um coquetel com comidas e receitas próprias para o período junino. Milho, assado, cozido, bolos e canapés à base de milho estavam à vontade de todos no sistema self-service.

(Imagens creditadas a João Marcos-Fotógrafo)


102 visualizações0 comentário
bottom of page