Congresso reúne 400 mulheres adventistas em Araci


O encontro realizado durante todo o dia de ontem, (13.10), marca o 5º Congresso do Ministério da Mulher realizado desde 2016 pelas igrejas adventistas nos dois distritos, Central e Coqueiro, hoje dirigidos pelos pastores Flávio Matos e José Estevam.

Na imagem Hezir Moura Pinheiro, a primeira mulher adventista a nascer no solo araciense, vinda do Rio de Janeiro no ventre de sua mãe Laura Moura que aquei chegou em 1947 quando nasce Hezir e nasce a primeira alma, filha de Laura, mãe e semente da mensagem adventista.

HOMENAGENS DA HORA feitas pelo pastor Flávio:

Na imagem, Hezir Moura Pinheiro, a primeira mulher adventista a nascer no solo araciense, vinda do Rio de Janeiro no ventre de sua mãe Laura Moura que aqui chegou em 1946 quando nasce Hezir e nasce a primeira alma, filha de Laura, mãe e semente da mensagem adventista.

Na segunda imagem, irmã Maria de Lourdes e suas filhas, Zenalva e Zenaide, a congressista mais idosa, aos 88 anos seguida da irmã Maria Carvalho mulher adventista de 82 anos e sua filha Juciara, frutos de uma semente plantada há 75 anos em Araci.

“Embora a tradição desde sua primeira versão em 2016, seja uma iniciativa da Igreja Central, tivemos o cuidado de convidar outras lideranças para estarem conosco, apoiando e dando maior dimensão ao congresso. Assim pudemos contar com a participação e apoio como de minha colega Ilahini Alcantara, esposa do pastor José Estevam do Coqueiro e de muitas líderes de áreas dentro do Ministério da Mulher” – Comentou Ediselma.

Toda essa convergência de lideranças, propiciou o sucesso desse 5º Congresso do Ministério da Mulher de 2022. Com sua primeira versão em 2016, descontinuada pelos dois anos de pandemia, o congresso retornou esse ano com muito brilho, desenvolvendo um tema atual: “Chamadas para servir”, ressignificando o desafio de impressionar outras mulheres que estão alienadas do projeto salvador de Jesus Cristo.

Com palestrantes convidadas, o congresso procurou apresentar às quatrocentas mulheres congressistas, formas diversas de ser uma missionária, no desenvolvimento dos temas e das mensagens musicais apresentadas.

(abra a galeria 6 imagens...)

Foram destaques no 5º Congresso as palestrantes convidadas e os conjuntos musicais, além de autoridades da igreja em nível de Associação Bahia Central, como a presença e participação do pastor Carlos Ferreira, presidente da ABaC. Pastor Carlos, foi o responsável pela mensagem do Culto Divino e pela celebração do ato batismal quando foram batizadas nas águas, duas mulheres congressistas.

Também foram convidadas para o encontro a pedagoga e enfermeira Cláudia Oliveira dos Santos que atua na ABaC como líder do Ministério da Mulher e Área Feminina da Associação, com aconselhamentos e cuidados com as esposas de pastores de todo o campo da ABaC.

O congresso também contou com a presença e atuação da Cosmetóloga e especialista em estética corporal e micropigmentação, Sara Suzine. Sara presenteou ao vivo uma limpeza de pele em uma das congressistas e distribuiu com todas as mulheres presentes na programação da tarde, um pote com argila para cinco aplicações.

(abra a galeria 3 imagens...)

A Fisioterapeuta pélvica Quísia Sales Viana Jennings foi também uma das presenças em destaque. Quísia é também pós graduada em Terapia Familiar, Fisioterapia Aplicada em Saúde da Mulher e cursa Sexologia Clínica e Educacional. Ao apresentar sua palestra no final do evento, a palestrante fez sair do ambiente todos os homens espalhados em o auditório genuinamente feminino e nem os que estavam em seus ofícios de apoio, como sonoplasta, fotógrafos e até os próprios esposos das palestrantes e cantares, não foram a exceção.

Cantores e bandas promoveram o lado alegre e inspirador do congresso com músicas animadas e reflexivas interpretadas pelo Trio Rei da cidade de Paulo Afonso, pela Banda DusIrmãos da igreja central de Araci e pela cantora Vanessa Sales da capital, Salvador.

(abra a galeria 4 imagens...)



571 visualizações0 comentário