Bem-vindo | 17/05/2021

Portal Folha - O seu Jornal Online

Barrocas: suplente de vereador é assassinado na cozinha da residência do ex-prefeito Edilson Lima

Os criminosos entraram pela garagem, passaram por uma sala e chegaram à cozinha, onde se depararam com Edilson e Regis. Segundo a polícia, sem muita conversa os criminosos mandaram que os dois políticos se levantassem, afirmando que ambos iriam morrer.

Por Do Karmo Carvalho

ter, 28/05/2013 às 09:04

Mataram o suplente de Vereador O suplente de vereador Reginaldo Oliveira da Silva – Regis de Carranque ou Rege Experimenta, como era conhecido, foi morto com um tiro no peito por volta das 20h30 da segunda-feira, 27 de maio, na cozinha da residência do ex-prefeito de Barrocas, Edilson Lima (DEM), situada na Rua Pedro Esmeraldo Pimentel. Ele completaria 62 anos na terça-feira, 28 de maio.

A polícia ainda não tem pistas dos dois homens que entraram na casa do ex-prefeito pela garagem, passaram por uma sala e chegaram à cozinha, onde se depararam com Edilson e Regis. Segundo a polícia, sem muita conversa, os criminosos mandaram que os dois políticos se levantassem, afirmando que ambos iriam morrer e, seguidamente, atiraram primeiro em Reges, acertando no peito e depois no ex-prefeito que se defendeu com uma cadeira, segundo informações prestadas pelo líder político à polícia.

Local do crime na casa do ex-prefeito Edilson

Local do crime na casa do ex-prefeito Edilson

Reges foi levado ao Hospital José Maria de Magalhães, mas chegou sem sinais vitais. O Ex-prefeito Edilson não se feriu.

A polícia técnica esteve no local do crime e recolheu uma cápsula provavelmente de uma ponto 40, um dos disparos acertou a tampa de um freezer.

O suplente de vereador, pela Coligação “Barrocas Livre”, residia na Rua Roque Avelino de Queiroz. Ainda de acordo com a polícia e informações de populares, ele vinha denunciando supostas irregularidades da atual gestão municipal. Ainda conforme populares, Reges estaria protocolando no Ministério Público nesta terça-feira, mais um denúncia contra a atual gestão. A polícia não descarta a possibilidade de o alvo ser o ex-prefeito Edilson Lima, tomando como base ousadia que os criminosos tiveram na residência do político.

Regis de Barrocas Reginaldo era filiado ao Democrata e fez parte da coligação “Barroca Livre”, liderada por Edilson nas últimas eleições municipais e concorreu a uma vaga de vereador, obtendo 116 votos, ficando na suplência pela coligação. Em 2008, ele também disputou o pleito e obteve 114 votos. Edilson foi derrotado pelo atual prefeito Almir Queirós nas eleições de 2012.

 

Comentários