Bem-vindo | 15/06/2021

Portal Folha - O seu Jornal Online

Sessão Solene abre os trabalhos legislativos para o 2º semestre de 2014 da Câmara de Araci

O Presidente José Augusto finalizou a sessão quando já passava do meio dia da sexta-feira, 1º de agosto. Para rever todos os discursos e a Sessão Solene na íntegra acesse o Canal da Câmara no Youtube.

Por Do Karmo Carvalho

sex, 01/08/2014 às 16:48

Assim ficou composta a mesa da Sessão Solene do no início dos trabalhos legislativo.

Assim ficou composta a mesa da Sessão Solene do no início dos trabalhos legislativo.

Na manhã de sexta-feira, 01 de agosto de 14, a Câmara de Vereadores  abriu suas portas para receber realização da Sessão Solene de abertura dos trabalhos legislativo do 2º semestre de 2014. A sessão iniciou com a presença dos vereadores: Anastácio Carvalho, Manoel Matos, Marcos Pimentel, Elizabete Andrade, Gilmara Góes, Rivaldo Góes, Marlúcia Rodrigues, Jefson Miranda e o vereador Presidente José Augusto. Os vereadores Rômulo Carvalho, Gilvan Oliveira, Virgílio Carvalho, Laerto Januir e Valter Andrade justificaram a ausência. O vereador Leandro Andrade esteve presente no inicio da sessão, mas precisou se ausentar pouco tempo depois por causa de um compromisso.

Poucas pessoas da comunidade participaram da Sessão Solene.

Poucas pessoas da comunidade assistiram a Sessão Solene.

A Sessão Solene contou com a presença do prefeito Antônio Carvalho da Silva Neto, do ex-prefeito José Eleiotério da Silva Zedafó que estava aconpanhado de sua esposa.

Além deles, estavam presentes também secretários municipais como o William dos Anjos da Secretaria de Agricultura, Ueston Pinho,  de Administração, Gauba Rejane de Cultura e o Secretário de Relações Institucionais Robson,  funcionários e assessores dos secretários e algumas pessoas da comunidade.

 

Inicialmente foram apresentados os novos canais de comunicação da Câmara através do Site Oficial – legislativoaraci.site.com.br, Rádio e TV Câmara Web e o boletim informativo mensal. “Queremos levar o legislativo mais próximo da população” – disse o presidente José Augusto ao se referir as novas ferramentas de comunicação. Em seguida, o Maestro Lucelmo e membros da Banda Fanfarra executara, algumas músicas.

O primeiro a falar na tribuna foi o ex-prefeito Zé da Fó.

O primeiro a falar na tribuna foi o ex-prefeito Zedafó.

Na Tribuna – o primeiro a falar na tribuna foi o convidado ex-prefeito Zedafó, que disse não ter preparado um discurso para o momento. Citou a força política representada pelos vereadores e parabenizou a todos os edis. Enviou votos de confiança aos legisladores e citou trechos de sua história política no município. Em seguida, foi à tribuna o vereador Anastácio Carvalho que mostrou apreço aos novos meios de comunicação próprios da Câmara, mas disse que não são suficientes para levar o legislativo até o povo. O vereador Leandro Andrade aparteou o colega Anastácio e afirmou que ainda seria viável a transmissão das sessões através da Cultura FM. Anastácio continuo com seu discurso já fazendo cobranças ao Executivo. Em seguida foi à tribuna o vereador Jefson Miranda que iniciou saudando a todos pela presença e apresentou um discurso escrito sobre a importância do vereador no município. A vereadora Gilmara Góes foi à tribuna e citou que mesmo em recesso os vereadores estão atentos aos problemas do município, citou que agora adota uma postura diferente na atuação como vereadora de oposição. “A política é feita no momento certo, nos palanques. Fora deles temos que buscar melhorias para o município” – disse à vereadora que citou os projetos do executivo aprovados pelos vereadores. “Senhor Prefeito, estamos aqui para apoiar o que for de bom para o nosso município” – concluiu.   Em seguida assume a tribuna o vereador Rivaldo Góes e disse ser necessário buscar mais recursos para o município, além de fiscalizar e cobrar e finalizou dizendo que no período de campanha sejam respeitados os caminhos políticos de cada um. O Vereador Marcos Pimentel,  iniciou parabenizado o ex-prefeito Zedafó pela sua história política. Disse que todos os prefeitos ficam limitados a realizar mais ações por conta dos vícios da população como a realização de festas. Citou gastos da prefeitura com as festas e disse que a “cidade de Araci está em dificuldades, temos que repensar sobre estas festas” – palavras do vereador. No final, Marcos tornou a criticar o preço do combustível nos postos de Araci. Dando sequencia aos discursos, a Vice-Presidente Marlúcia Rodrigues assumiu os trabalhos para o presidente José Augusto usar tribuna que começou falando da época em que iniciou sua participação na política apoiado as campanhas do ex-prefeito Zedafó. Citou o curso que fez na Unaveb onde conheceu a fundo a história da Câmara de Vereadores no Brasil. Lembrou que os meios de comunicação próprios da Câmara são para levar o trabalho dos vereadores ao conhecimento da população. “A pessoas criticam os vereadores. Dizem que nós não fazemos nada, mas só que as pessoas não aparecem na Câmara para saber dos vereadores, o que eles estão fazendo” – disse.  José Augusto continuou seu discurso comentado ações da atual gestão e afirmou que a Prefeitura está fazendo o que é possível e o município tem avançado muito nos últimos tempos. “O Prefeito Silva Neto vem fazendo o que muitos prefeitos não fizeram pelo nosso Araci” – disse o José Augusto que finalizou seus discurso agradecendo a todos.

Prefeito Silva Neto discursou na tribuna da Sessão Solene.

Prefeito Silva Neto na tribuna durante a Sessão Solene.

Prefeito na Tribuna – a Sessão Solene ainda contou com o discurso  do Prefeito Silva Neto, que iniciou suas palavras parabenizando a Câmara e disse que reconhece o trabalho dos vereadores mesmo quando são feitas as críticas ao seu governo. “Fico feliz porque vejo nessa Câmara uma postura diferenciada pensante no futuro”. Neto falou sobre o período eleitoral que está chegando, “momento de refletir sobre os nossos representantes”. E continuou: “A política precisa ser reformulada, não só nós políticos como também o povo deve se renovar” – deixando os vícios políticos e partindo para um diálogo próximo sobre as principais necessidades do município. Silva Neto solicitou dos vereadores: Sobre os gastos com as festas falou: “Se os vereadores votarem  unanimemente para acabar com as festas, eu concordo, pois o desgaste não será só do prefeito” – e ressaltou: “Apesar de que as festas também gera renda”. O prefeito citou ainda que o gasto de combustível é alto porque o município oferta muito mais que arrecada: – transporte na saúde, educação, limpeza pública e disse que tem clareza para dizer com que se gasta e como gasta. O prefeito falou de outras ações e avanços do seu governo, emendas empenhadas de deputados e finalizou agradecendo a todos.

O Presidente José Augusto finalizou a sessão quando já passava do meio dia da sexta-feira, 1º de agosto. Para rever todos os discursos e a Sessão Solene na íntegra acesse o Canal da Câmara no Youtube.

Comentários