Bem-vindo | 15/06/2021

Portal Folha - O seu Jornal Online

Gatos de energia saem de prédios públicos, e os responsáveis fazem vista grossa, diz vereador Jera  

De escolas e de postos de saúde os gatos são feitos para manter energia nas casas de pessoas que tiveram o fornecimento de energia cortado a mais de quatro anos, o prejuízo é grande e nas minhas contas já passam de R$ 128 mil disse na tribuna o vereador Jera Policial.

Por Gidalti Moura

qua, 17/05/2017 às 11:13

Gatos de energia saem de prédios públicos, e os responsáveis fazem vista grossa, diz vereador JeraDesde a primeira sessão ordinária hoje na 14ª desse primeiro período legislativo, o vereador Jerônimo Jesus de Lima que ocupa o cargo de primeiro secretário na Mesa Diretiva, já ocupou espaço na tribuna por 12 vezes e em quase todas as oportunidades ele toca no assunto do desperdício de dinheiro em energia ao longo dos anos que a prefeitura deixa ou permite acontecer em nome da “boa politica”.

Na sessão do dia 08 deste mês, o vereador parecia estar possuído de ima indignação quando falou que a prefeitura diz que não há como recuperar as estradas em condições intrafegáveis e não toma providencia com a sangria deslavada que acontece pelo pagamento de consumo de energia que não é do poder público, mas de usuários que estão com seu fornecimento cortado pela Coelba e fazem gato nas redes que abastecem prédios públicos. “Isso acontece em quase todas as comunidades e o prejuízo chaga a R$ 30 mil mensais. No povoado do Rufino onde foi produzida a reportagem, verifica-se que até a capela local se alimenta por um gato de energia da escola”, – comenta Jera.

Da tribuna Jera disse que de escolas e de postos de saúde os gatos são feitos para manter energia nas casas de pessoas que tiveram o fornecimento de energia cortado a mais de quatro anos, o prejuízo é grande e nas minhas contas pelo tempo que isso vem acontecendo sem que o poder público tome qualquer providencias, já passam de R$ 128 mil. Com esse dinheiro se poderia estar adquirindo medicamentos para os postos de saúde, promovendo a recuperação das estradas.

Jera convidou a reportagem do Portalfolha para produção de provas do que vem denunciando sempre e disse que não vai deixar de falar desse caso nem de outros desperdícios até que a administração decida acabar com essa prática que vem de muitos anos.

aaaaaaaaaaaaaaa

O fio (gato) sai da rede do colégio lado D do prédio…

aaaaaaaaaaa

… vai até a casa vizinha que é alimentada sem custo…

ddddddddddddd

entrada da rede clandestina paga pela escola…

ddddddddddd

Do lado E do prédio outra fiação sai para abastecer…

dá pra ver que não existe ligação do padrão para a casa.

Gato-Caso-2-b

gggggggggggg

O padrão do colégio. Dele sai um fio (gato) para a capela…

hhhhhhhhh

a energia alimenta a capela e é paga pela escola…

sssssssssssss

Do PSF desativado sai energia para as casas vizinhas…

ddddddddddddd

… e de uma para a outra…

cccccccccc

… e dessa para mais outras…

Comentários