Bem-vindo | 23/09/2020

Portal Folha - O seu Jornal Online

Revelação da Pesquisa: “Quem decide está pensando! ”

COMO FICARIA O CENÁRIO DA DISPUTA EM ARACI “SE OS INDECISOS, OS NULOS, BRACOS E NÃO OPINANTES ESCOLHESSEM VIRAR O JOGO COM O EMPRESÁRIO MANOEL NUNES”: EDVALDINHO COM 30%, KEINHA COM 38% E MANOEL NUNES COM 32%

 

Por Gidalti Moura

dom, 30/08/2020 às 18:37

A frase “Quem decide está pensando! ” que assina o gráfico que publicado pelo pré-candidato do Avante 70, leva a qualquer eleitor inteligente a acionar o “alerta”. E a mim aguçou o ponto de vista, como faria qualquer editor de matérias de opinião.

Os editores em minoria fazem o papel de “separar o joio do trigo”. A diferença está entre os que escolhem publicar o “trigo” e os que preferem divulgar o “joio”.

As últimas pesquisas mostraram um cenário que exige muita reflexão. A princípio, apenas dois nomes foram conhecidos como pré-candidatos a prefeito de Araci.

Igualmente motivados pelo benefício de seus patronos políticos, os dois primeiros pré-candidatos tiveram todos os motivos para colocarem o pé na pista da corrida pelo poder. Um tendo como patrono o governante da hora e outro a soberana de outrora. Se o encorajamento de Keinha vem de uma trajetória de política e poder que soma dezesseis anos da oligarquia da família Silva Zedafó, e se a motivação de Edivaldinho é alicerçada numa carreira de política e poder de vinte anos da oligarquia do clã Silva Pinho, a coragem de Manoel Nunes vem da consciência de que estes 36 anos de monopólio de poder, não conseguiram satisfazer os anseios de um povo, porque sempre “dividido”, não aprenderam até hoje “separar o joio do trigo”.

A pré-candidatura do empresário Manoel Nunes do Avante 70, surge como uma luz no túnel por ande passam expectantes uma massa de calados, indecisos e mais os que se anulam. Esse comportamento medroso piora a condição dessa massa que vira mercadoria de promessistas exploradores da sua própria ignorância.

A observância do gráfico a seguir, justifica a frase do pré-candidato do Avante em seu banner na rede social: “Quem decide está pensando.

O elevado número de pessoas que rejeitam os dois nomes Edivaldinho e Keinha somado ao número dos indecisos e não optantes, levando em conta a margem de erro sinaliza um empate técnico envolvendo o nome do empresário Manoel Nunes.

E observando o gráfico a seguir, de amostragem dos votos espontâneos, considerando o índice de rejeição entre os três, e levando em conta que Keinha está em campanha a oito anos, Edivaldinho através da mãe, há doze anos, a aparição de Manoel em tão poucos dias no cenário, já começa bem pela diferença mínima que ora se apresenta na curva da proporcionalidade entre os três.

 A pesquisa em tese, do BN, parece levar a quem a encomendou o efeito de “uma virada” como se vê nas redes sociais, mas a realidade aqui apresentada como tese de opinião, pode estar assustando os que correm na frente com tanque cheio e uma máquina alimentada pelo poder que ainda domina uma multidão de iludidos precisando ser convencida de que a única saída é “Virar o Jogo”.

 

Clique Aqui para acessar o WhatsApp do  seu Portalfolha.com e receber conteúdos e matérias!

Siga-nos em nossas redes sociais –Página no Facebook – Perfil no Instagram – Perfil no Twitter 

 

Comentários