Bem-vindo | 03/06/2020

Portal Folha - O seu Jornal Online

Prefeito de Teofilândia participa de encontro com Governador Jaques Wagner

A pauta principal foram os dois pedidos prioritários que cada prefeito presente à reunião teve direito a solicitar ao Governador Wagner. O prefeito Adriano de Araújo solicitou ao Governo do Estado as reformas das Praças José Luiz Ramos e Lomanto Junior, no centro da cidade, e a urbanização do Tanque do Governo, no entorno da Sede, ambos projetos de muito interesse do prefeito e da comunidade teofilandense.

Por Do Karmo Carvalho

seg, 25/11/2013 às 16:51

Prefeito Adriano e WagnerNo dia 21, o prefeito Adriano de Araújo participou de um encontro com Governador do Estado, Sr. Jaques Wagner, juntamente com mais 7 prefeitos, em reunião articulada pelo Deputado Federal Afonso Florence.

A pauta principal foi os dois pedidos prioritários que cada prefeito presente à reunião teve direito a solicitar ao governador Wagner. O prefeito Adriano de Araújo solicitou ao governo do Estado as reformas das Praças José Luiz Ramos e Lomanto Junior, no centro da cidade, e a urbanização do Tanque do Governo, no entorno da sede, ambos projetos de muito interesse do prefeito e da comunidade teofilandense.

A prefeitura comprometeu-se em apresentar os projetos em tempo breve ao setor responsável pela viabilização junto ao governo do Estado. “Estamos empenhados na elaboração destes projetos, que já estão em andamento. Esperamos com ansiedade a resolução destes pedidos que fizemos ao Governador Wagner. O encontro de um Prefeito com o Governador do Estado é sempre um momento muito importante. Temos muitas demandas a solicitar e esperamos ter muitas outras oportunidades de encontrar o governador Wagner”, afirmou o prefeito Adriano de Araújo.

Outro tema discutido no encontro com o governado do Estado foi a dificuldade de recursos que as prefeituras municipais estão enfrentando neste segundo semestre de 2013. Os prefeitos colocaram ao governador o impacto negativo que esta situação traz para as comunidades dos seus respectivos municípios, causando certa ansiedade e insatisfação na sociedade, que sempre espera ações em curto prazo do poder público municipal. O governo do Estado, por sua vez, respondeu que, infelizmente, o momento é mesmo de certa dificuldade geral e que espera enfrentar um ano melhor em 2014, para que possa atender as todas estas expectativas dos municípios baianos.

Comentários