Bem-vindo | 25/06/2019

Portal Folha - O seu Jornal Online

Gestantes do Projeto Maternidade Feliz são contempladas com enxovais

Projeto Maternidade Feliz, da Secretaria de Desenvolvimento Social – SEDES, executado pelo CRAS está em funcionamento desde 2009, e já atendeu centenas de mamães. A cada três meses o projeto forma novo grupo com cerca de 40 a 50 mães. São gestantes de várias idades e a maioria é da zona rural. No projeto, as gestantes participam de oficinas e palestras, atividades como a pintura e bordado que futuramente será usada na confecção do seu próprio enxoval.

Por Do Karmo Carvalho

qui, 03/05/2012 às 16:28

Por: Do Karmo Carvalho Fotos: Natalia Araújo

Projeto Maternidade Feliz, da Secretaria de Desenvolvimento Social – SEDES, executado pelo CRAS, está em funcionamento desde 2009 e já atendeu centenas de mamães. A cada três meses o projeto forma novo grupo com cerca de 40 a 50 mães. São gestantes de várias idades e a maioria é da zona rural. No projeto as gestantes participam de oficinas e palestras, atividades como a pintura e bordado que futuramente será usada na confecção do seu próprio enxoval.

Objetivando em fornecer informações para estas gestantes sobre planejamento familiar, sexualidade e entre outros, o Maternidade Feliz garante ainda a integridade das mães, além de promover momentos de troca de experiências e quebras de tabus a partir da vivência em grupo.

A Sedes também tem o programa auxílio maternidade e agora o maternidade feliz veio para complementar as políticas de gestão no acompanhamento da maternidade reduzindo os números de problemas comum entre mulheres grávidas.

Cerca de 50 gestantes foram contempladas com os enxovais. Começou as inscrições para novo grupo

A secretária Soraya Vilaronga esteve na entrega dos enxovais e desejou boa sorte às gestantes

“Participando do projeto Maternidade Feliz, estas gestantes recebem uma diversidade de informações sobre os cuidados na gravidez, o que elas não teriam se estivessem fora do projeto. Toda equipe envolvida neste projeto procura levar várias informações além da maternidade, para que a gravidez deixe de ser um problema na vida das gestantes e passe a ser um motivo de muito orgulho para as futuras mães” – afirma Iana Santos da Silva – Psicóloga do CRAS e técnica responsável pelos grupos de gestantes do projeto Maternidade Feliz.

“A gravidez já é uma criança e por isso necessita de cuidados” - Iana Santos, Psicóloga do CRAS.

O projeto procurar contemplar gestantes entre o 4º ao 9º mês de gestação já que o período que a mulher fica mais vulneráveis a problemas.

A cada fechamento de grupo – período de três meses, a prefeitura de Araci investe em utensílios para enxovais: Banheiras, roupas de recém-nascido e durante as oficinas e as atividades as próprias gestantes pintam e bordam lençóis, fraldas e cobertores para o seu próprio enxoval.  “Esses enxovais ajudam muito a essas futuras mães, pois muitas não têm condições financeiras para preparar o enxoval do filho que vai nascer” – garante a assistente social da Sedes, Cleidejane Santos Carvalho.

 

Comentários