Bem-vindo | 22/05/2022

Portal Folha - O seu Jornal Online

Líder do Governo critica postura do site Tribuna Sisaleira. “Ignorância ou má fé? – Pergunta o vereador Jefinho Carneiro

 

Da tribuna da Câmara, o líder do governo, vereador Jefinho Carneiro, critica matérias circuladas no site O Tribuna Sisaleira e enfatiza: “O repúdio vale para todos os veículos e comunicadores. Espalhar mentiras e maledicências, é um comportamento repudiado hoje pelas pessoas bem informadas.

Por Gidalti Moura

ter, 05/04/2022 às 16:05

O editor de O Tribuna Sisaleira, Luiz Santana, estava na plateia, o que aliás sempre faz em cada sessão, capitando conteúdo das sessões para divulgar em seu site, veículo digital do jornal em municípios da região sisaleira.

Oito dos catorze vereadores presentes na sessão desta terça-feira (5), fizeram uso da Tribuna da Casa e o vereador Jefson Miranda Cardoso Carneiro, líder do Governo na câmara, foi o último a se pronunciar em seus 15 minutos como líder.

Jefinho Carneiro (PSD), separou um primeiro bloco de sua fala para criticar três matérias publicadas pelo site Tribuna Sisaleira e fez questão de falar o nome do editor e responsável pelo sitio na web, Luiz Santana.

Meus amigos, assim iniciou o vereador. “Gostaria de em primeiro plano, tratar de dois assuntos relacionados a nosso amigo Luiz Santana. Ele está aqui e nada melhor do que falar na frente da pessoa alvejada por essa crítica”, e continuou: – Tive observando duas matérias veiculadas nos últimos dias, pelo site Tribuna Sisaleira, e citou a manchete: “Keinha aumenta salário de prefeito, vice-prefeito e secretários em 10%.

 Ora, é importante esclarecer ao editor da matéria e quem chegou a ler tal conteúdo, que há um, desconhecimento lamentável do editor em relação ao fato publicado de forma tão destorcida. Meus amigos, salienta Jefinho. “Os subsídios de prefeitos e de secretários são fixados por lei de iniciativa da Câmara Municipal. Logo senhor Luiz Santana, a prefeita não tem como legislar em causa própria, e esse aumento e de competência do Legislativo e como preceitua o Artigo 49 da Lei Orgânica Municipal, isso deve ocorrer no final de cada legislatura, seja de 4 em 4 anos. O preceito vale de igual forma para os secretários municipais, explica o líder do governo.

Jefinho criticou a matéria veiculada no site, onde se lê que a prefeita aumentou seu salário e dos secretários em 10% e para os professores só deu 8,31% de aumento.

Todo mundo sabe, inclusive os vereadores, que depois de diversas reuniões com o sindicato da categoria, com a comissão competente da câmara e com o governo, saiu o acordo de conceder o aumento previsto de 33,24%. Também foi acordado que seria feito em quatro etapas iguais de 8,31% até fechar o índice, explicou Jefinho. Falo aqui, não somente como líder do governo, mas como legislador intencionado a esclarecer a verdade. Essas informações feitas com falta de conhecimento ou excesso de maldade, chegam velozmente pelas redes sociais, causando danos difíceis de serem reparados, nas pessoas menos esclarecidas e pior nos “inimigos da administração pública”.

A segunda matéria alvejada pelo julgamento do vereador foi sobre as contas da prefeitura de Araci, encaminhadas à câmara para apreço e julgamento. Jefinho reprisou a matéria de O Tribuna Sisaleira: “O Presidente da câmara de Vereadores de Araci, convocou de forma extraordinária uma sessão dos vereadores para julgar as contas do prefeito Silva Neto e sua vice Keinha. A Sessão vai acontecer as vésperas de uma eleição municipal, será nesta próxima sexta feira dia 13”. Eu nunca ouvi falar em julgamento de contas de vice prefeito! A não ser que ele deixe de ser vice e assuma vacância do titular, mesmo assim, haverá atribuição de responsabilidades a cada período de mandato.

É preciso conhecimento dos fatos e responsabilidade ao divulgar notícias para a população. Esse preceito vale para todos os sites, bloques e qualquer meio de compartilhamento na rede web. As coisas estão diferentes hoje. Temos uma população interessada, pessoas que se dedicam a estudar. Espalhar mentiras e maledicências, é um comportamento repudiado hoje pelas pessoas bem informadas, enfatizou finalmente o vereador Jefinho.

 

Comentários