Bem-vindo | 17/02/2019

Portal Folha - O seu Jornal Online

Jogadores do Vitória são acusados de estupro em Curitiba

“Ela se jogou no meu carro. Perguntei se estava louca e ela falou que tinha sido estuprada pelos jogadores do Vitória. Daí vi que era sério. Ela chorava muito e mostrou um hematoma no peito. Quando vi o cartão de hotel na mão dela fui até o Bourbon ver o que estava acontecendo”, disse Hamilton em entrevista ao site Banda B.

Por Do Karmo Carvalho

seg, 30/09/2013 às 11:15

pilates novo

Quatro jogadores do Vitória foram acusados de estupro por uma mulher de 44 anos, no início da manhã da segunda-feira, 30, um dia após o triunfo do rubro-negro baiano sobre o Atlético-PR por 5 a 3 pelo Campeonato Brasileiro.

Segundo os primeiros relatos da imprensa paranaense, a mulher, de nome ainda não divulgado, jogou-se na frente de um carro por volta das 6h30 da manhã, ao sair do hotel Bourbon, onde teria sido violentada pelos jogadores do Vitória.

Conforme a versão da suposta vítima, ela estava em uma boate com uma amiga, que seria namorada de um dos jogadores do time baiano. De lá, foram de táxi para o hotel, onde sua amiga teria subido para o quarto com um dos jogadores. A mulher declarou que teria ficado no bar do hotel com os pais da namorada do atleta. Depois, ela subiu para um quarto do hotel com quatro jogadores.

No quarto é que, de acordo com a suposta vítima, os quatro jogadores teriam se revezado para estuprá-la. Após fugir do quarto, a mulher se jogou na frente de um carro, de propriedade do motorista Hamilton Carvalho.

“Ela se jogou no meu carro. Perguntei se estava louca e ela falou que tinha sido estuprada pelos jogadores do Vitória. Daí vi que era sério. Ela chorava muito e mostrou um hematoma no peito. Quando vi o cartão de hotel na mão dela fui até o Bourbon ver o que estava acontecendo”, disse Hamilton em entrevista ao site Banda B.

Ainda segundo Hamilton, a direção do hotel Bourbon chamou um representante da delegação do Vitória, que teria dito que “era normal, prostitutas entravam nos quartos e não havia nada a fazer”.

A assessoria do Vitória confirmou que houve a acusação e que os jogadores estão indo para a delegacia. Por enquanto, o Vitória não vai se pronunciar oficialmente sobre o assunto nem divulgar quais jogadores foram acusados. Até o início da tarde da segunda-feira, uma coletiva deve ser feita para dar maiores informações sobre o caso. (Informações do A Tarde)

Comentários